FENÔMENO TEEN, BOY BAND P9 AGITA SÃO PAULO NESTE DOMINGO 22/03

banda P9

A boy band brasileira P9, fenômeno teen de idolatria, se apresenta neste domingo, 22/03, na Vila Olímpia, São Paulo. Desde 2012, os garotos da P9 vem marcando presença no mundo pop, emplacando canções como trilha sonora em novelas globais e até em filme de Hollywood.

A banda se formou no Rio de Janeiro no ano de 2012, com a ajuda de produtores internacionais. O primeiro álbum foi lançado em julho de 2013.

Tudo começou quando Jason Herbert, produtor internacional, decidiu, em 2010, desenvolver um projeto para a criação de uma boy band. Após um ano, com a ajuda de Venus Brown, chamaram Igor e Michael, já conhecidos do produtor. Com a ajuda de Jason, Venus por sua vez, juntou Igor e Michael a Jonathan e Guilherme e em 2011 iniciaram os shows em praias cariocas. O Posto 9 serviu como nome para a banda.

A banda se tornou conhecida com seu primeiro hit, “My favorite girl”, lançado em 2013, após fazer parte da trilha sonora da novela da Rede Globo, Salve Jorge. No mesmo ano a boy band lançou um EP na iTunes Store, contendo quatro faixas, incluindo “My favorite girl”, dois remixes da mesma e a canção “Love You in Those Jeans”.

O álbum de estreia da P9 foi gravado nos Estados Unidos e entrou em pré venda no iTunes em junho de 2013. Pouco tempo depois a música Love You in Those Jeans” foi adicionada à trilha sonora de “Amor à Vida”, novela da Rede Globo.  Em Abril de 2014 a canção “Just the Two of Us” foi lançada como trilha sonora do filme americano The Amazing Spider-Man 2.

Essas e várias canções serão tocadas no Espaço 1016, na Vila Olímpia, a partir das 18 horas.

Sobre Guilherme, Igor, Jonathan e Michael (P9)

Guilherme dos Santos tem 18 anos e mora em Angra dos Reis. Começou sua história com as artes aos 14 anos, quando buscou uma oficina de teatro. As artes cênicas trouxeram o que para ele foi uma surpresa, a descoberta da habilidade de cantar. Na literatura, adora romances regionalistas, como “O Quinze”, de Rachel de Queiroz, e “Vidas Secas”, Graciliano Ramos.

Seu primeiro contato com a música foi através do YouTube. Desde então, suas influências passam pela MPB, pelo Jazz e Blues. Suas referências são Chico Buarque, Elis Regina, Cazuza, Adoniran Barbosa, Etta James, Nina Simone e Ella Fitzgerald. Flerta também com a nova geração de artistas como Beyoncé, Ne-Yo, Usher, Joss Stone e os DJs David Guetta e Calvin Harris. Além disso, Gui gosta de dançar e cozinhar.

 

Igor Adamovich tem 18 anos e divide suas paixões entre a música, os esportes e a literatura. Nascido na Ilha do Governador é amante do surfe e skate. Leitor assíduo, sua obra preferida é o poema “Os Fios de Weismann”, de Ferreira Gullar. A influência musical tem sua nascente bem próxima, dentro da família: seu tio é maestro e a sua mãe, autodidata, toca piano. O avô, que foi pintor e escultor, também serviu como exemplo para direcionar Igor para as artes. O incentivo foi tanto que ele desenvolveu habilidades nos mais variados instrumentos como o violão, piano, ukelele, bateria, guitarra e baixo – tendo mais de 10 instrumentos em casa. Aprimorou também as cordas vocais e a composição. Escreve músicas e poesia, tendo ganhado um festival de poesia no 2º ano do ensino médio, em 2012. Sua banda favorita é o Red Hot Chilli Peppers. Igor reafirma a habilidade com as mãos ao fazer malabares – com bolinhas, diabolo, claves e devil sticks – e desenvolve o olhar e novas perspectivas pela fotografia, arte pela qual também se declara apaixonado.

 

Jonathan Couto tem 19 anos e conquistou sua disciplina trabalhando com o pai e praticando Jiu-jitsu desde os 12 anos. A veia musical já corria na família, pois a avó era estudante de música com habilidades em instrumentos de percussão, cordas e sopro. Mas o interesse só surgiu em uma viagem com os tios. Um amigo da família havia levado um pandeiro, cujo som logo fascinou o garoto. Depois disso, Jonathan comprou o instrumento e se dedicou a aprendê-lo. Aos poucos, começou a montar, com alguns amigos, um grupo de samba. O pandeiro foi seguido de perto pelo violão – companheiro inseparável hoje em dia, seja na praia com os amigos ou sozinho em casa, tanto que ganhou o apelido de Megan, em referência à sexy atriz norte-americana, Megan Fox. O violão trouxe a vontade de se expressar através da música e tem como referência artística o cantor Usher, Chris Brown e Justin Timberlake. Sonha em poder mudar o mundo de alguma forma.

 

Michael Band tem 19 anos e desde pequeno é fascinado pela música e pelos palcos. Neto de ingleses, nasceu no Rio de Janeiro e logo mudou-se para Singapura. Quando retornou ao Brasil, passou o restante de sua infância e a pré-adolescência no Mato Grosso do Sul, voltando para sua cidade natal em 2009. Ainda bem pequeno cantava nas reuniões de pais do colégio onde estudava. Ganhou o primeiro violão aos 9 anos e aprendeu a tocar sozinho. Com 12 anos começou a se apresentar em festivais da escola – munido apenas de sua voz e violão –, para audiências de 300 alunos. Com o tempo foi amadurecendo a ideia de montar uma banda, o que concretizou aos 16 anos. O grupo ”On The Edge”, de indie rock, se apresentou e saiu vitorioso de diversos festivais do cenário alternativo do Rio de Janeiro. Paralelamente à música, Michael se dedicou aos esportes, conquistando o vice-campeonato estadual de natação no Mato Grosso do Sul. Hoje, tem como hobby o surfe e o skate.

 

Serviço: 22/3 – Show P9

Local: Espaço 1016 – Rua Quatá, 1016 – Vila Olímpia, São Paulo – SP

Idade: 12 aos 17 anos
Acesso e infraestrutura para deficientes físicos
Música ao vivo
Ar condicionado

Vallet com manobrista: R$ 20
Capacidade da casa: 1104 pessoas
Informações sobre ingressos, reservas e camarotes: (11) 3849-6868
Possui Wi-Fi gratuito

Atendimento à Imprensa  Word Brasil – Comunicação Empresarial
Tel.: (11) 2129-7394 redação ou
Wandick Donett: (11) 98951-9009
atendimento@wordbrasil.com.br / www.wordbrasil.com.br

 

Atendimento à Imprensa P9


Telefone: (21) 2128-0651 imprensa.sonymusic@sonymusic.com

 

Joyce (Produtora P9) –  (21) 2431 4380 / (21) 99820 1982